sexta-feira, abril 28, 2006
Perdão

Peço desculpa aos leitores do MpR. E prometo jamais voltar a escrever um post como o de ontem. A bem dizer, encontrava-me sob o efeito de drogas duras - muito duras. Mas acho que a experiência me serviu de lição. Nunca mais voltarei a escrever uma linha para este blogue depois de ter passado duas horas a snifar embalagens de detergentes com amoníaco. Não quero com isto dizer que vou largar o "Sonasol Amoniacal Limão" ou o "Cif Power Cream" - que brôa man -, mas juro-vos solenemente que não me precipitarei sobre o teclado de seguida.

Não é por uma questão de saúde, nem, muito menos, por consideração a vós. Mas por um princípio de auto-estima que me impede de continuar a alimentar de pérolas a vara. É que, pela amostra visível na caixa de comentários, ninguém percebeu a fina ironia do texto - à excepção provável de uma minoria que se escusou comentar… embora me custe a acreditar que as minorias cultas e esclarecidas venham petiscar a esta tasca.

Portanto, e uma vez que, deduzo, não estão preparados para tão sofisticada refeição, vão levar, a partir de agora, com a lavagem do costume!


Ah… e para quem, chegado a este parágrafo, ainda não se deu conta: a primeira frase do texto é uma ironia.

posted by Raimundo @ sexta-feira, abril 28, 2006  
4 Obscenidades evitáveis:
  • At 28 abril, 2006 11:56, Blogger Eric Blair said…

    Pá, sem desenhos a malta não vai lá.

     
  • At 28 abril, 2006 12:15, Anonymous Iron Man said…

    ò Raimundo: e tu ainda não percebeste que a caixa de comentários desse famigerado post se tornou independente dele? Que a partir de uma certa altura, entrou numa onda paralela de autofagia e autopoiesis?
    Em todo o caso, o que a gente quer saber é se o Pacheco Pereira te descobriu ou não!

     
  • At 28 abril, 2006 13:35, Anonymous Nuno B. said…

    Eu não sou grande especialista de Blogs nem grande conhecedor da blogosfera. Mas pelo que tenho visto por aí, não há mais ninguém que hostilize tanto o leitor numa espécie de anti-heroísmo blogger. Nem sei como é que há tanto pessoal que aqui volta depois de tão vilmente insultado. Deve haver uma costela masoquista dentro de cada um de nós ao estilo "quanto mais me bates..."

    Enfim... eu percebi a ironia... e não era assim tão fina!

     
  • At 28 abril, 2006 19:30, Anonymous Luis said…

    Nuno:

    Deite um olho nisto.

     
Enviar um comentário
<< Home
 
 


Nome: Raimundo
Morada: Algures em algum sítio, bem no meio de..., Portugal
Que mais queres tu?
Então vê o perfil

Blog aberto a fumadores. E não... não temos as dimensões estipuladas por lei para poder ter um espaço para fumadores. E como estamos num país de chibos, já estou mesmo a ver: um dia destes há uma denúncia anónima e aparecem-me aí uns estupores da ASAE para fechar o tasco!

http://www.totse.com/en/bad_ideas/ka_fucking_boom/atomic.html

Imbecilidades diárias
O Mundo desde o início
Mundos aliados
Mundos de subversão
Mundos da Cova
Mundos de sabedoria
Mundos em hibernação
Usurários

Powered by Blogger

15n41n1